Família Acolhedora é alternativa aos abrigos para crianças e adolescentes

 

Publicado em: 08/09/2022 17:05 | Fonte/Agência: Secretaria Municipal de Comunicação Social

Whatsapp

 

Os cianortenses podem colaborar para que as crianças e adolescentes afastados de suas famílias de origem por medida protetiva aguardem a reintegração em um ambiente familiar, em alternativa aos abrigos, evitando a institucionalização. Isto porque, o Município conta com o Serviço de Acolhimento Familiar que, por meio do Programa Família Acolhedora, capacita os cidadãos para recebê-los temporariamente em seus lares, com suporte legal e acompanhamento técnico por assistente social e psicólogo.

“O diferencial da Família Acolhedora é a oferta de um atendimento individualizado à criança ou adolescente que está com seus vínculos parentais rompidos, garantindo uma convivência familiar e comunitária que nem sempre é possível em uma instituição, que faz o acolhimento de demandas diversas ao mesmo tempo”, destaca a assistente social, Karina Feliciano Pessoa.

“O Acolhimento Familiar tem grau preferencial no Estatuto da Criança e do Adolescente [ECA]. No entanto, no Brasil, apenas 5% das crianças e adolescentes são beneficiadas pelo Programa. Os demais são atendidos por instituições. Em Cianorte, o índice é similar, em 7%. Por isso, contamos com a população para fazermos a diferença na vida de quem precisa”, completa a psicóloga, Stephanie Piveta.

As famílias interessadas em conhecer e/ou já decididas em participar da iniciativa têm a oportunidade neste mês: a Secretaria Municipal de Assistência Social promoverá dois encontros para capacitação, sendo o primeiro no dia 15 e o segundo no 22, ambos às 18h30, na sede do Serviço de Acolhimento Familiar, localizada na Avenida Doutor José Roberto Furquim de Castro, 143, Centro.

“Convidamos os cianortenses para saber mais sobre a iniciativa, lembrando que a participação nas reuniões não implica diretamente na inclusão no Programa. Trata-se de uma oportunidade para diálogo e sanar dúvidas”, salienta a secretária, Aline Rosa Kist. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (44) 3619-6373, WhatsApp: (44) 99164-3086 ou e-mail: [email protected]